Comunidade Evangélica Família Abençoada - CEFA  Pastores Paulino e Roseli Cordeiro
 Seja bem-vindo!Interesses |10 Mais | Buscar em  
 
CEFA
Quem somos?
Origem
Destino
Valores
Contato e Localização
Programação
 

 
Pastorais
Mensagens
Conselhos do Pastor
Estudos
Cuidados espirituais
Testemunhos
Sermões
 

 
Atividades
Cultos
Curso Para Casais
Grupos Familiares
Discipulado
Outras
 

 
Interesses
Feminino
Masculino
Jovem
Casamento
Infantil
Comunhão
Filhos
Família
 

  
 
 

 
COMO SUPERAR O MEDO - Gênesis 21.8-21 (Pr. Paulino Cordeiro)
Sermão
Interesse de Comunhão

Agar foi sincera e prestativa à sua senhora Sara, emprestou sua barriga para gerar um herdeiro a Abrão, conforme os costumes daquela época, mas não era esta a vontade de Deus, por isto começou a dar tudo errado. Agar fugiu para o deserto e lá o Anjo do SENHOR falou com ela: Gn 16.7-15.

Abrão havia interferido na promessa de Deus e teve que mandar embora Agar e seu filho Ismael: Levantou-se, pois, Abraão de madrugada, tomou pão e um odre de água, pô-los às costas de Agar, deu-lhe o menino e a despediu. Ela saiu, andando errante pelo deserto de Berseba. Tendo-se acabado a água do odre, colocou ela o menino debaixo de um dos arbustos e, afastando-se, foi sentar-se defronte, à distância de um tiro de arco (100-150m); porque dizia: Assim, não verei morrer o menino; e, sentando-se em frente dele, levantou a voz e chorou. Deus, porém, ouviu a voz do menino; e o Anjo de Deus chamou do céu a Agar e lhe disse: Que tens Agar? Não temas, porque Deus ouviu a voz do menino, daí onde está - Gn 21.14-17.

Qual era o maior medo de Agar, mãe de Ismael? Que ele morresse, pois, estavam perdidos no deserto, sem pão e água!

Antes de nascer Ismael, quando fugiu de Sara para o deserto, Agar havia tido uma forte experiência com Deus e superado o medo quando o Anjo do Senhor falou com ela: ...Então, ela invocou o nome do SENHOR, que lhe falava: Tu és Deus que vê; pois disse ela: Não olhei eu neste lugar para Aquele que me vê? - Gênesis 16.13 (7-13).  

Vemos que Hagar tinha o coração no SENHOR, mas estava, com seu filho, à beira da morte porque havia deixado o medo tomar conta do seu ser, mas num último gesto de esperança levantou a voz e chorou, fez a oração forte.

Quais foram os cuidados de Deus para que não morressem?

01. Restaurou-lhes as forças - v. 17-18

De acordo com os costumes daquela época, Agar foi usada para gerar um filho ao seu senhor, e quando Abraão descobriu que havia gerado um herdeiro contra a vontade de Deus, ela e seu filho foram simplesmente descartados, lançados no deserto. Sem pão e sem água, a morte era certa, estavam indefesos.

Agar conhecia o DEUS que vê (Gn 16.13), mas tinha aceitado as sugestões do diabo e estava cheia de medo, certa de que morreriam, até que levantou a voz e chorou na presença de DEUS.

Eis que a mão do SENHOR não está encolhida, para que não possa salvar; nem surdo o seu ouvido, para não poder ouvir - Isaías 59.1. 

Agar chorou na presença de Deus e qual foi a resposta por meio do Anjo do SENHOR? ... Que tens Agar? Não temas... Ergue-te, levanta o rapaz, segura-o pela mão, porque EU farei dele um grande povo.

O medo faz crer somente no pior, impede a ação Divina.

De fato, teriam morrido no deserto, mas Agar levantou a voz e chorou, por esta atitude recebeu o socorro de Deus. Quando nos humilhamos, DEUS ouve o nosso lamento e estende a Sua Mão acolhedora, dá restauração completa para vencermos todos os medos impostos pelo maligno.

Cada pessoa é o resultado daquilo que usa como alimento!

02.    Curou a cegueira causada pelo medo - v. 19

Vemos que Agar tinha comunhão com DEUS, ela falava com DEUS (Gn 16.6-15), sabia que DEUS tudo vê, mas, diante do abandono e da falta de amor, por parte daqueles a quem ela amava, esqueceu-se de Deus e entrou num estado de autocomiseração, aí a cegueira!

Agar levantou a voz e chorou, por isto, Abrindo-lhe Deus os olhos, viu ela um poço de água, e, indo a ele, encheu de água o odre, e deu de beber ao rapaz (Gn 21.19).

Quando dependemos somente de Deus, não caímos na conversa fiada do diabo, que é medonho terrorista, passamos a receber o sustento completo do nosso Pai Celestial.

Agar estava à beira da fonte da salvação, mas não via o poço porque havia se entregado ao espírito de medo e de morte. Seu filho também morreria por causa do seu medo. O medo rouba bênçãos pessoais e dos seus queridos.

Qual é a riqueza que o diabo tem roubado de você por causa do medo?

O que você não pode fazer e não vê? Confie no DEUS que tudo pode e tudo vê!

Conclusão

1João 4.18 - No amor não existe medo; antes, o perfeito amor lança fora o medo. Ora, o medo produz tormento; logo, aquele que teme não é aperfeiçoado no amor.

Só o SENHOR, por meio de Seu filho Jesus, nos dá provisão e proteção para superarmos o medo. Somente o SENHOR pode ouvir a nossa voz e estender a Sua Mão Libertadora, que nos livra de todo o terror maligno.

Algum medo ameaça a você e à tua família?

O SENHOR é quem vai adiante de ti; ele será contigo, não te deixará, nem te desamparará; não temas (não tenha medo), nem te atemorizes (nem deixe o medo tomar conta de você) - Deuteronômio 31.8.

De qual fonte você tem bebido, da fonte do medo ou da Fonte da Salvação: Vós, com alegria, tirareis água das fontes da salvação - Isaías 12.3.                                                          

Se você citar a nossa autoria (Paulino Cordeiro) e nosso site (http://www.familiaabencoada.org.br/) poderá pregar na sua Igreja ou publicar em outros Sites. Dê bom testemunho para poder abençoar, seja fiel.

Paulino Cordeiro - Pastor da CEFA - Comunidade Evangélica Família Abençoada - Sermão compartilhado em 19.08.2007 e 19.02.2012 e 23.09.2017.

 

 
Links relacionados
· Mais sobre Interesse de Comunhão
· Notícias por paulino


Mais lidos: Interesse de Comunhão:
A IMPORTÂNCIA DA CEIA DO SENHOR - Marcos 14.22-26 (Pr. Paulino Cordeiro)

 

 
Opções

 Imprimir  Imprimir

 Enviar para alguém  Enviar para alguém

 

 
Hoje!
Não há histórias publicadas hoje.
 

 
Clique!









 

 
Já leu?

Interesse Jovem

·Vais aceitar o conselho?
·Não é engraçado?
 

Certificado de registro da marca processo n.: 904102963
Todas as mensagens devem citar a fonte. Fale conosco antes de divulgar.
(41)3078-7940 / 8418-2586 cefa@familiaabencoada.org.br

Site baseado no software livre PHP-Nuke - Tempo para gerar esta página: 0.028 segundos