Comunidade Evangélica Família Abençoada - CEFA  Pastores Paulino e Roseli Cordeiro
 Seja bem-vindo!Interesses |10 Mais | Buscar em  
 
CEFA
Quem somos?
Origem
Destino
Valores
Contato e Localização
Programação
 

 
Pastorais
Mensagens
Conselhos do Pastor
Estudos
Cuidados espirituais
Testemunhos
Sermões
 

 
Atividades
Cultos
Curso Para Casais
Grupos Familiares
Discipulado
Outras
 

 
Interesses
Feminino
Masculino
Jovem
Casamento
Infantil
Comunhão
Filhos
Família
 

  
 
 

 
A IMPORTÂNCIA DA CEIA DO SENHOR - Marcos 14.22-26 (Pr. Paulino cordeiro)
Sermão
Interesse de Comunhão

Ao celebrar a última Páscoa, que era uma ceia comemorativa, Jesus, antes de ser traído instituiu a ordenança da Santa Ceia, com ordens e propósitos muito bem definidos.

Baixe aqui o áudio deste sermão no formato MP3 - (tamanho de 4.05mb).

Jesus reuniu seus discípulos/Apóstolos, escolhidos para serem os fundadores da Igreja na Nova Aliança, para que juntos estivessem cumprindo a Lei da Páscoa.

Foi o momento determinado por Deus Pai para Jesus apresentar-Se como o único Sacrifício que purifica os pecadores, o Puro e Imaculado Cordeiro, morrendo no lugar dos impuros. Aquele foi o momento da abolição da Velha Aliança, na carne e sangue de animais, e a instituição da Nova Aliança na Carne e no Sangue do Cordeiro Ungido de Deus, Jesus.  

A importância da celebração da Nova Aliança é relembrada por três evangelistas (Mateus 26.26-29; Marcos 14.22-26; Lucas 22.17-20), pelo Apóstolo Paulo (1ª Coríntios 11.23-26) e em muitas outras referencias.

01. Quem participa da Ceia do Senhor?

Aqueles que aceitaram a Palavra e perseveraram na doutrina dos apóstolos (Atos 2.41-42), são os que têm direito de participarem da Santa Comunhão. É necessário, para sermos dignos da Mesa do Senhor, aceitarmos a Palavra com todas as ordens do Senhor Jesus, como regra de fé e prática para todos os nossos dias.

A Mesa do Senhor, a Santa Ceia, é uma Mesa familiar onde reunimo-nos como irmãos: Assim, pois, irmãos meus, quando vos reunis para comer, esperai uns pelos outros - 1ª Co 11.33. A boa educação, como filhos de Deus, manda honrarmos ao Senhor da Mesa e aos irmãos, pois somos uma família.

Nesta Mesa o Senhor aceita somente os da Família: Lançai fora o velho fermento, para que sejais nova massa, como sois, de fato, sem fermento. Pois também Cristo, nosso Cordeiro pascal, foi imolado. Por isso, celebremos a festa não com o velho fermento, nem com o fermento da maldade e da malícia, e sim com os asmos da sinceridade e da verdade. Já em carta vos escrevi que não vos associásseis com os impuros; refiro-me, com isto, não propriamente aos impuros deste mundo, ou aos avarentos, ou roubadores, ou idólatras; pois, neste caso, teríeis de sair do mundo. Mas, agora, vos escrevo que não vos associeis com alguém que, dizendo-se irmão, for impuro, ou avarento, ou idólatra, ou maldizente, ou beberrão, ou roubador; com esse tal, nem ainda comais. Pois com que direito haveria eu de julgar os de fora? Não julgais vós os de dentro? 1ª Coríntios 5.7-12.

02. A importância da Ceia do Senhor

A Ceia do Senhor é um evento a ser celebrado, continuadamente, até que Jesus volte como Justo Juiz, pois Ele disse: ...fazei isto em memória de mim - Lucas 22.19; (1ª Co 11.24-26).

A Ceia do Senhor é importante como recordação da Morte de Cristo, em nosso lugar, é uma simbologia que trás fidelidade e reavivamento - 1ª Co 11.26.

O pão partido lembra o corpo de Jesus que foi ferido com chicotadas, perfurado com pregos e com uma lança, lá na cruz do Calvário, em nosso lugar: Porque eu recebi do Senhor o que também vos entreguei: que o Senhor Jesus, na noite em que foi traído, tomou o pão; e, tendo dado graças, o partiu e disse: Isto é o meu corpo, que é dado por vós; fazei isto em memória de mim - 1ª Co 11.23-24; Mas ELE foi traspassado pelas nossas transgressões e moído pelas nossas iniqüidades; o castigo que nos traz a paz estava sobre ELE, e pelas suas pisaduras fomos sarados - Isaías 53.5.

O cálice só está cheio de vinho porque o fruto da videira foi esmagado, por isso todas as vezes que celebrarmos a Ceia estaremos lembrando que o corpo de Jesus foi ferido para dali verter o Sangue da Nova Aliança: Este cálice é a Nova Aliança no MEU SANGUE; fazei isto, todas as vezes que o beberdes, em memória de MIM - 1ª Co 11.25.

A Ceia é uma Importante lembrança de que nosso Senhor virá novamente. Jesus deixou muito claro aos seus discípulos que era para obedecer à Sua ordenança, pois assim diz o Apóstolo Paulo: Porque, todas as vezes que comerdes este pão e beberdes o cálice, anunciais a morte do Senhor, até que ELE venha - 1ª Co 11.26.

Conclusão

A Santa Ceia só tem um Senhor e Ele convida todos os humanos a participarem da Sua Mesa, mas tem uma condição: Examine-se, pois, o homem a si mesmo, e, assim, coma do pão, e beba do cálice; pois quem come e bebe sem discernir o corpo, come e bebe juízo para si. Eis a razão por que há entre vós muitos fracos e doentes e não poucos que dormem - 1ª Co 11.28-30.

Só é digno de participar da Ceia do Senhor quem obedece a tudo o que Jesus manda, pois, ninguém tem maior amor do que este: de dar alguém a própria vida em favor dos seus amigos. Vós sois meus amigos, se fazeis o que eu vos mando - João 15.13-14.

Se você citar a nossa autoria (Paulino Cordeiro) e nosso site (http://www.familiaabencoada.org.br/) poderá pregar na sua Igreja ou publicar em outros Sites. Dê bom testemunho para poder abençoar, seja fiel.

Paulino Cordeiro - Pastor da CEFA - Comunidade Evangélica Família Abençoada - Sermão compartilhado em 01.07.2007 e 04.03.2012 - noite.

 

 
Links relacionados
· Mais sobre Interesse de Comunhão
· Notícias por paulino


Mais lidos: Interesse de Comunhão:
A IMPORTÂNCIA DA CEIA DO SENHOR - Marcos 14.22-26 (Pr. Paulino Cordeiro)

 

 
Opções

 Imprimir  Imprimir

 Enviar para alguém  Enviar para alguém

 

 
Hoje!
Não há histórias publicadas hoje.
 

 
Clique!









 

 
Já leu?

Interesse de Filhos

·Tem Pão Velho?
·Deus quer tudo!!!
 

Certificado de registro da marca processo n.: 904102963
Todas as mensagens devem citar a fonte. Fale conosco antes de divulgar.
(41)3078-7940 / 8418-2586 cefa@familiaabencoada.org.br

Site baseado no software livre PHP-Nuke - Tempo para gerar esta página: 0.518 segundos