PIEDADE, UM ESTILO DE VIDA – 1ª Ts 5.16-20

| 27-08-2013

A piedade leva a pessoa a expressar um grande respeito a Deus e aos seus Mandamentos, é uma sincera devoção com obediência.

Baixe aqui o áudio deste sermão no formato MP3 - (tamanho de 7.3mb).

Pois o exercício físico para pouco é proveitoso, mas a piedade para tudo é proveitosa, porque tem a promessa da vida que agora é e da que há de ser - 1ª Timóteo 4.8. 

Paulo não está dizendo que devemos viver relaxadamente com o nosso corpo, apenas está afirmando que o exercício da piedade dá preparo para a vida aqui na terra e para a eternidade. 

Assim como devemos ter cuidados para com o nosso corpo, também devemos ter cuidados permanentes para crescermos na piedade.  

01.  Sempre alegre - v. 16 

A ordem é regozijai-vos sempre, isto é congratulai-vos sempre, alegrai-vos sempre.  

Parece ser impossível estarmos sempre alegres, pois sempre nos deparamos com momentos dolorosos. Paulo está falando da alegria da salvação que está acima das maiores perdas e dores.  

A verdadeira piedade conduz a uma alegria permanente, compartilhada com Deus e com os irmãos da fé. 

Salmo 68.3-6: Os justos, porém, se regozijam, exultam na presença de Deus e folgam de alegria. Cantai a Deus, salmodiai o seu nome; exaltai o que cavalga sobre as nuvens. SENHOR é o seu nome, exultai diante DELE. Pai dos órfãos e juiz das viúvas é Deus em sua santa morada. Deus faz que o solitário more em família; tira os cativos para a prosperidade; só os rebeldes habitam em terra estéril. (Filipenses 4.4 - Alegrai-vos sempre no Senhor; outra vez digo: alegrai-vos, e 1ª Pedro 4.13). 

02.   Orando sempre - v. 17 

Somente pessoas com desvios mentais conseguem ficar incomunicáveis, sem falar com ninguém; da mesma forma, somente pessoas não devotas a Deus conseguem ficar incomunicáveis com Ele.  

Você vive a verdadeira piedade, Sim? Então se comunica muito bem com Deus; você fala e Ele te ouve; Ele fala e você ouve-O.  

O nosso sucesso terreno depende de uma perfeita comunicação com as pessoas, assim, também o nosso sucesso espiritual depende de uma perfeita comunicação com Deus Pai. 

A oração conduzida pelo Espírito Santo (Romanos 8.26) e assistida pelo SENHOR Jesus (1ª João 2.1; Jó 16.19) sustenta os filhos e filhas de Deus na alegria da Salvação por meio de Jesus Cristo. 

03.         Cheio de gratidão - v. 18 

Em tudo, dai graças, porque esta é a vontade de Deus em Cristo Jesus para convosco. 

Uma permanente e sincera gratidão a Deus é a receita mais acertada para manter-se em perfeita harmonia com o próprio Deus e com as pessoas.  

 Gratidão é um estilo de vida que dá certo, é fonte que gera a perfeita comunhão: Habite, ricamente, em vós a palavra de Cristo; instruí-vos e aconselhai-vos mutuamente em toda a sabedoria, louvando a Deus, com salmos, e hinos, e cânticos espirituais, com gratidão, em vosso coração - Colossenses 3.16.

Você convive ou tem contatos com pessoas ingratas? São insaciáveis, reclamam de tudo, criticam a todos, são mal humoradas, se acham perfeitas e superiores a todos; sua alegria é desestabilizar pessoas e ambientes por onde passam.  

A vontade de Deus é que sejamos piedosos e sempre gratos porque Ele enviou o Seu Filho para nos libertar de toda a escravidão: Cl 1.13 - Ele nos libertou do império das trevas e nos transportou para o reino do Filho do seu amor (1ª Tessalonicenses 2.13 e 2ª Tessalonicenses 2.13). 

04.  Aceitar a obra do Espírito Santo - v. 19

Não apagueis o Espírito. 

A ordem é que não devemos apagar ou extinguir a chama do Espírito Santo e sim aceitarmos toda a sua obra, tão necessária para moldar o nosso caráter Cristão. 

A obra do Espírito Santo, pela ação de seu fogo e sua chama, é aquecer, iluminar e queimar as impurezas, preparando os filhos e filhas de Deus para a vida eterna. 

Quando uma pessoa apaga a obra do Espírito Santo na sua vida fica sujeita às obras das trevas, todavia frutifica somente quem dá liberdade ao Espírito de Deus (Gálatas 5.22-23).    

A pessoa piedosa faz questão que Deus trate o seu caráter. 

05.         Não desprezar as Profecias - v. 20 

Não desprezeis as profecias. Desprezar é o ato de rejeitar. O apelo do Apóstolo Paulo é para que não rejeitemos as profecias; quem rejeita entre em rebeldia contra Deus e sua Palavra.  

Em Jesus se cumpriram as profecias (Lucas 4.16-21), portanto quem rejeita as profecias da Palavra de Deus, rejeita a salvação de Deus por meio de Jesus Cristo. 

Preste atenção quando alguém falar da parte de Deus, conforme a Bíblia, anunciando salvação e livramento, pois será o favor de Deus se manifestando na tua vida.   

Não havendo profecia, o povo se corrompe; mas o que guarda a Lei, esse é feliz - Provérbio 29.18. Porque nunca jamais qualquer profecia foi dada por vontade humana; entretanto, homens santos falaram da parte de Deus, movidos pelo Espírito Santo - 2ª Pedro 1.21. 

Devemos prestar muita atenção nas profecias reveladas na Bíblia, pois são para o nosso bem e de nossa descendência (Deuteronômio 29.29: As coisas encobertas pertencem ao SENHOR, nosso Deus, porém as reveladas nos pertencem, a nós e a nossos filhos, para sempre, para que cumpramos todas as palavras desta lei). 


         Conclusão 

1ª Tessalonicenses 5.21-24: Julgai todas as coisas, retende o que é bom; abstende-vos de toda forma de mal. O mesmo Deus da paz vos santifique em tudo; e o vosso espírito, alma e corpo sejam conservados íntegros e irrepreensíveis na vinda de nosso Senhor Jesus Cristo. Fiel é o que vos chama, o qual também o fará. 
        A Palavra manda julgar todas as coisas, não confunda coisas com pessoas; manda reter o que é bom referindo-se à Palavra de Deus e não nos dá o direito de procurarmos coisas boas nos lixos do mundo; abstende-vos de toda forma de mal. Por fim, a piedade plena que procede de Deus, conservando íntegro o espírito, alma e o corpo até a vinda do SENHOR Jesus. 

Se você citar a nossa autoria (Paulino Cordeiro) e nosso site (http://www.familiaabencoada.org.br) poderá pregar na sua Igreja ou publicar em outros Sites. Dê bom testemunho para poder abençoar, seja fiel. 

Paulino Cordeiro - Pastor da CEFA - Comunidade Evangélica Família Abençoada - Sermão compartilhado em 06.12.2009 e 25.08.2013 - Noite.