Comunidade Evangélica Família Abençoada - CEFA  Pastores Paulino e Roseli Cordeiro
 Seja bem-vindo!Interesses |10 Mais | Buscar em  
 
CEFA
Quem somos?
Origem
Destino
Valores
Contato e Localização
Programação
 

 
Pastorais
Mensagens
Conselhos do Pastor
Estudos
Cuidados espirituais
Testemunhos
Sermões
 

 
Atividades
Cultos
Curso Para Casais
Grupos Familiares
Discipulado
Outras
 

 
Interesses
Feminino
Masculino
Jovem
Casamento
Infantil
Comunhão
Filhos
Família
 

  
 
 

 
VITÓRIA SOBRE AS TENSÕES – 2ª Coríntios 4.16 (Pr. Paulino Cordeiro)
Sermão
Interesse de Comunhão

Vivemos sob constantes pressões, boas e ruins, e as comunicamos uns aos outros. Como ser feliz e alegre num mundo tão exigente e cheio de pressões?

Baixe aqui o áudio deste sermão no formato MP3 - (tamanho de Mb 4.6). 

O apóstolo Paulo, através da sua experiência pessoal com Deus revela que é possível viver uma vida livre e na Graça de Deus, apesar das muitas tensões diárias.

Resumindo seus problemas, ele declara que além dos cuidados consigo mesmo ainda sofre a pressão diária do zelo pela Palavra de Deus e com as pessoas.

01.Mesmo que o homem exterior se corrompa

No Jardim do Éden as pessoas tinham corpos incorruptíveis (homem exterior) e teriam vida eterna se não fosse o pecado da rebeldia. Por causa do pecado passou a existir envelhecimento, doenças e deficiências causadas por agressões diversas. Porque não temos aqui cidade permanente - Hebreus 13.14.

"Mesmo que o nosso homem exterior se corrompa..."

O homem exterior corresponde a "vasos de barro" conforme 2ª Co 4.7 e à "casa terrestre" de 2ª Co 5.1. Com o pecado, as sementes da corrupção e da desintegração estão no corpo desde o nascimento. Romanos 8.18-25 apresenta um comentário esclarecedor sobre a abrangência da corrupção, suas causas e efeitos.

A corrupção do homem exterior exerce pressões e tensões terríveis sobre nossas vidas, pois fazem nos sentirmos impotentes, incapazes e frágeis na vida diária. Quando tudo parece ser contra nós aí é que se fortalece a nossa esperança e a nossa fé, pois em Cristo somos mais que vencedores.

O corpo, de fato, deve sofrer todo o desgaste consequente do pecado, mas, nunca devemos viver pecando, nossa vida terrena deve ser consumida no serviço santo para a Glória de Deus.

02.Como vencer as tensões?

Por isso não desanimamos: pelo contrário, mesmo que o nosso homem exterior se corrompa, contudo o nosso homem interior se renova de dia em dia (2ª Coríntios 4.16).

Por isso não desanimamos... Nossa vida com Deus se renova de dia em dia... Estes verbos estão no tempo presente, ou seja, indicam que agora, a cada momento de nossas vidas é hora de novo ânimo e de renovação dos nosso propósitos com Deus. A expressão "não desanimamos" ou conforme 2ª Co 4.1 não desfalecemos, indica que se desanimarmos a corrupção toma conta de nós.

Só a pressão interior do amor de Deus no coração pode vencer as tensões do mundo. O evangelho do Senhor Jesus possui uma pressão criativa.

João 8.31-32,36: Se vós permanecerdes na minha palavra, sois verdadeiramente meus discípulos; e conhecereis a verdade, e a verdade vos libertará.  Se, pois, o Filho vos libertar, verdadeiramente sereis livres.

Quando levamos Jesus a sério, praticamos as Suas Palavras, examinamos com humildade e sinceridade o Seu sacrifício por nós, aí sentimos sua presença compelidora, experimentamos uma pressão libertadora.

João 15.5 - Eu sou a videira, vós, os ramos. Quem permanece em mim, e Eu, nele, esse dá muito fruto; porque sem mim nada podeis fazer.

Essa pressão santa nos estimula a crescer, a mudar e partilhar o que temos; nos dá a vitória contra o exterior, o mundo, a carne e o maligno. Dia a dia, ao reagirmos positivamente à pressão persuasiva de Cristo para reformar e renovar nossa vida, sentimos cada vez menos as tensões do mundo.

Gálatas 2.20  - Logo, já não sou eu quem vive, mas Cristo vive em mim; e esse viver que, agora, tenho na carne, vivo pela fé no Filho de Deus, que me amou e a si mesmo se entregou por mim.

Conclusão

Quando somos vitoriosos sabemos o que fazer e o que deixar de lado na vida: 1ª Co 13.11 - Quando eu era menino, falava como menino, sentia como menino, pensava como menino; quando cheguei a ser homem, desisti das coisas próprias de menino.

Hoje, a pressão interior e criativa do poder de Cristo, que em mim habita, está vencendo a pressão externa, o que me leva a ser uma fonte de alegria para Deus e para os outros. Hoje o homem exterior sofre as consequências do pecado, mas o homem interior vive a vitória em Cristo.

Se você citar a nossa autoria (Paulino Cordeiro) e nosso site (http://www.familiaabencoada.org.br/) poderá pregar na sua Igreja ou publicar em outros Sites. Dê bom testemunho para poder abençoar, seja fiel.

Paulino Cordeiro - Pastor da CEFA - Comunidade Evangélica Família Abençoada - 14.05.2016 - noite.

 

 
Links relacionados
· Mais sobre Interesse de Comunhão
· Notícias por paulino


Mais lidos: Interesse de Comunhão:
A IMPORTÂNCIA DA CEIA DO SENHOR - Marcos 14.22-26 (Pr. Paulino Cordeiro)

 

 
Opções

 Imprimir  Imprimir

 Enviar para alguém  Enviar para alguém

 

 
Hoje!
Não há histórias publicadas hoje.
 

 
Clique!









 

 
Já leu?

Interesse do Casal

·Curso Família Abençoada
·Lençol Sujo
·Inteligência Sobrenatural - Fé
 

Certificado de registro da marca processo n.: 904102963
Todas as mensagens devem citar a fonte. Fale conosco antes de divulgar.
(41)3078-7940 / 8418-2586 cefa@familiaabencoada.org.br

Site baseado no software livre PHP-Nuke - Tempo para gerar esta página: 0.067 segundos