Comunidade Evangélica Família Abençoada - CEFA  Pastores Paulino e Roseli Cordeiro
 Seja bem-vindo!Interesses |10 Mais | Buscar em  
 
CEFA
Quem somos?
Origem
Destino
Valores
Contato e Localização
Programação
 

 
Pastorais
Mensagens
Conselhos do Pastor
Estudos
Cuidados espirituais
Testemunhos
Sermões
 

 
Atividades
Cultos
Curso Para Casais
Grupos Familiares
Discipulado
Outras
 

 
Interesses
Feminino
Masculino
Jovem
Casamento
Infantil
Comunhão
Filhos
Família
 

  
 
 

 
Salmos 116 - Como posso retribuir-Lhe? (Pr. Paulino Cordeiro)
Mensagem Pastoral
Interesse de Comunhão 

Este Salmo nos revela um deleite contagiante e uma gratidão tocante, é o tributo pessoal de um homem cuja oração recebeu uma resposta cumulativa. Agora, veio para o templo, para contar aos irmãos o que lhe aconteceu, e para agradecer a generosidade de Deus quando se encontrava em aperto. Nos ensina a encontrarmos palavras a respeito das nossas próprias ações, pois, é o testemunho público de uma experiência pessoal. Vejamos alguns aspectos riquíssimos deste texto:

 

A angústia relembrada: v.1-4

  • V. 1 - Amo o Senhor porque ele ouve a minha voz e as minhas súplicas. O salmista lembra-se que o Senhor "ouve a minha voz" em momentos de súplica e toma uma resolução:

  • V. 2 - Invocá-lo-ei enquanto eu viver. É uma resolução de confiar unicamente em Deus.

  • V. 3 - Laços de morte... angústias do inferno...São figuras de linguagem que descrevem uma situação deplorável: doença, desilusão ou depressão.

  • V. 4 - Diante da situação desesperadora o único refúgio é o nome do Senhor: Então invoquei... A tradução mais correta é: continuei chamando o nome do Senhor.

 

Misericórdia relembrada: v.5-11

Nestes versículos vemos uma enorme alegria na oração respondida:

  • V. 6 - O Senhor vela pelos simples. O salmista, na sua humildade, se equipara aos "tontos" porque Deus é misericordioso e atende até os tontos.

  • V. 7 - Volta minha alma, ao teu sossego, pois o Senhor tem sido generoso contigo. Fica de novo em descanso, meu coração.

  • V. 8 - Se lembra com gratidão pelo livramento Divino.

  • V. 9 - Andarei na presença do Senhor. É andar na Luz. Uma resolução de compromisso e gratidão ante a misericórdia de Deus.

  • V. 10 - Paulo dá melhor interpretação: eu cri, por isso falei (2ª Co 4.13).

 

Gratidão fervorosa: v.12-19

Aqui o salmo se movimenta para o clímax de uma ação de graça:

  • V. 12-14 - Eis um lindo vislumbre da Graça de Deus e da resposta humana, tudo em termos simples e diretos.

  • V. 15-16 - Voluntariamente oferece a sua vida e dedica-se como escravo de Deus.

  • V. 17-19 - Aleluia! Aqui vemos o ser humano de coração alegre e agradecido diante do trono de misericórdia.

 

Meus irmãos, assim como o salmista, é hora de fazermos um levantamento diante de Deus, relembrando as nossas angústias, as misericórdias de Deus e tudo isto com um coração agradecido porque o Senhor tem feito maravilhas em nossas vidas.

Um ano se finda; que possamos olhar para o passado com gratidão, viver o presente com fé e amor, e olhar para o futuro com esperança, no Senhor Jesus. Que possamos dizer como o salmista: volta minha alma para o sossego, pois, o Senhor tem sido generoso contigo.

 

Pr. Paulino Cordeiro

(Boletim 186)

 

 
Links relacionados
· Mais sobre Interesse de Comunhão
· Notícias por webmaster


Mais lidos: Interesse de Comunhão:
A IMPORTÂNCIA DA CEIA DO SENHOR - Marcos 14.22-26 (Pr. Paulino Cordeiro)

 

 
Opções

 Imprimir  Imprimir

 Enviar para alguém  Enviar para alguém

 

 
Hoje!
Não há histórias publicadas hoje.
 

 
Clique!









 

 
Já leu?

Interesse Infantil

·Pra onde ir?
 

Certificado de registro da marca processo n.: 904102963
Todas as mensagens devem citar a fonte. Fale conosco antes de divulgar.
(41)3078-7940 / 8418-2586 cefa@familiaabencoada.org.br

Site baseado no software livre PHP-Nuke - Tempo para gerar esta página: 0.032 segundos