Comunidade Evangélica Família Abençoada - CEFA  Pastores Paulino e Roseli Cordeiro
 Seja bem-vindo!Interesses |10 Mais | Buscar em  
 
CEFA
Quem somos?
Origem
Destino
Valores
Contato e Localização
Programação
 

 
Pastorais
Mensagens
Conselhos do Pastor
Estudos
Cuidados espirituais
Testemunhos
Sermões
 

 
Atividades
Cultos
Curso Para Casais
Grupos Familiares
Discipulado
Outras
 

 
Interesses
Feminino
Masculino
Jovem
Casamento
Infantil
Comunhão
Filhos
Família
 

  
 
 

 
EBENÉZER – 1º Samuel 7.7-14 (Pr. Paulino Cordeiro)
Sermão
Interesse de Comunhão

Do Hebraico אבן עזר, Ebenézer significa "Pedra do Socorro" ou "Pedra da Ajuda". Esta pedra foi lançada como um monumento que marcou um fato histórico e uma esperança do povo de Deus.

 (Baixe aqui o áudio deste sermão no formato MP3 -  tamanho de 4.65Mb)

Os Filisteus já haviam devolvido para Judá a Arca da Aliança (1º Samuel 6) e estabelecido na casa de Abinadabe (1º Samuel 7.1-2), onde permaneceu por 20 anos. Neste período o sacerdote Samuel levanta-se como profeta para convocar o povo de Deus ao arrependimento dos seus pecados e da idolatria (1º Samuel 7.3-4).

O povo santificou-se, voltou-se para Deus com o coração quebrantado e obediente, destruíram todos os ídolos, se armaram contra os Filisteus e Deus concedeu-lhes completa vitória (1º Samuel 7.5-14).

Aquele monumento, Pedra do Socorro, permaneceu entre Mispa e Sem, como prova da completa vitória contra os Filisteus, entretanto "muitas pedras rolaram" e demorou vinte anos para que a Arca da Aliança viesse para Jerusalém (1º Crônicas 13.7-8).

Tudo isto prova que quando povo age no poder da obediência a vitória é completa e a glória de Deus é monumental, apontando para valores presentes e futuros.

01. Monumento de Vitória

Tomou, então, Samuel uma pedra, e a pôs entre Mispa e Sem, e lhe chamou Ebenézer, e disse: Até aqui nos ajudou o SENHOR. Assim, os filisteus foram abatidos e nunca mais vieram ao território de Israel, porquanto foi a mão do SENHOR contra eles todos os dias de Samuel - v. 12-13.

O povo de Israel vinha sendo derrotado e humilhado pelos Filisteus, haviam perdido suas terras e suas riquezas, dirigiam constantes lamentações ao SENHOR. Então, Deus chama o sacerdote Samuel, como profeta, para anunciar-lhes o caminho da Salvação, dizendo: Se é de todo o vosso coração que voltais ao SENHOR, tirai dentre vós os deuses estranhos e os astarotes, e preparai o coração ao SENHOR, e servi a ele só, e Ele vos livrará das mãos dos filisteus. Então, os filhos de Israel tiraram dentre si os baalins e os astarotes e serviram só ao SENHOR.  

Esta passagem deixa bem claro que não há vitória sem conversão e obediência a Deus. No Antigo Testamento notamos que a cada vitória concedida por Deus, o povo erguia-LHE monumentos. 

Hoje, através de Jesus Cristo, somos Templo do Espírito Santo e não precisamos erguer monumentos de pedra, pois, tudo o que glorifica a Deus deve ser guardado como um monumento espiritual na nossa memória. Devemos constantemente fazer monumentos ao SENHOR.

Teu, SENHOR, é o poder, a grandeza, a honra, a vitória e a majestade; porque teu é tudo quanto há nos céus e na terra; teu, SENHOR, é o reino, e tu te exaltaste por chefe sobre todos - 1º Crônicas 29.11.

02. Monumento de Gratidão

As cidades que os filisteus haviam tomado a Israel foram-lhe restituídas, desde Ecrom até Gate; e até os territórios delas arrebatou Israel das mãos dos filisteus. E houve paz entre Israel e os amorreus - v.14.

Aquela vitória proporcionou a restituição de tudo o que haviam perdido e, além disso, houve paz. Então, o monumento não era apenas um marco de vitória, continha uma maravilhosa expressão de gratidão daquele povo.

Você tem levantado monumentos de gratidão a Deus, no teu coração?

Em Jesus, vivemos tempos de restituição, precisamos desenvolver gratidão pelas vitórias que nos são dadas: Graças a Deus, que nos dá a vitória por intermédio de nosso Senhor Jesus Cristo. Portanto, meus amados irmãos, sede firmes, inabaláveis e sempre abundantes na obra do Senhor, sabendo que, no Senhor, o vosso trabalho não é vão - 1ª Co 15.57-58.

03. Monumento de Fé e Esperança

Até aqui nos ajudou o SENHOR. E o futuro, como será?

O ontem não se pode mudá-lo, o amanhã pertence a Deus, entretanto o presente a nós pertence. Cabe a cada pessoa, em santidade e obediência, estar fundindo os monumentos de vitória, de gratidão e formando um tremendo monumento de fé e esperança para um futuro melhor.

Uma deslumbrante pedra chamada "Ebenézer", que significa Pedra da Ajuda ou do Socorro, acompanhada da expressão "Até aqui nos ajudou o SENHOR", formam o mais lindo monumento da certeza de que Deus sempre estará presente para dar completa vitória.

Este monumento era uma demarcatória no sentido humano, mas também era no sentido espiritual, apontava para Jesus, a Pedra Angular: Pois isso está na Escritura: Eis que ponho em Sião uma pedra angular, eleita e preciosa; e quem nela crer não será, de modo algum, envergonhado. Para vós outros, portanto, os que credes, é a preciosidade; mas, para os descrentes, A Pedra que os construtores rejeitaram, essa veio a ser a principal pedra, angular e: Pedra de tropeço e rocha de ofensa. São estes os que tropeçam na palavra, sendo desobedientes, para o que também foram postos - 1ª Pedro 2.4-8.

Conclusão:

O povo de Israel venceu a guerra e edificou aquele monumento porque obedeceu a voz de Deus, através do profeta Samuel, e santificou-se para glorificar ao SENHOR dos senhores.

Hoje temos toda a Bíblia, que é a Palavra de Deus, para nos conduzir no caminho da santidade e para sabermos como destruir todos os ídolos. A guerra é grande, mas, com Deus a vitória é certa.

Naquele tempo o povo tinha coração duro como a pedra, mas, hoje Deus nos dá um novo coração por meio do seu filho Jesus. Não precisamos erguer monumentos de pedra, erguemos monumentos, indestrutíveis, dentro da nossa alma, monumentos eternos.

Se você citar a nossa autoria (Pr. Paulino Cordeiro) e nosso site (http://www.familiaabencoada.org.br/) poderá pregar na sua Igreja ou publicar em outros Sites. Dê bom testemunho para poder abençoar, seja fiel.  

Pr. Paulino Cordeiro - Pastor da CEFA - Comunidade Evangélica Família Abençoada - 25.07.2010 - noite.

 

 
Links relacionados
· Mais sobre Interesse de Comunhão
· Notícias por paulino


Mais lidos: Interesse de Comunhão:
A IMPORTÂNCIA DA CEIA DO SENHOR - Marcos 14.22-26 (Pr. Paulino Cordeiro)

 

 
Opções

 Imprimir  Imprimir

 Enviar para alguém  Enviar para alguém

 

 
Hoje!
Não há histórias publicadas hoje.
 

 
Clique!









 

 
Já leu?

Interesse de Filhos

·Tem Pão Velho?
·Deus quer tudo!!!
 

Certificado de registro da marca processo n.: 904102963
Todas as mensagens devem citar a fonte. Fale conosco antes de divulgar.
(41)3078-7940 / 8418-2586 cefa@familiaabencoada.org.br

Site baseado no software livre PHP-Nuke - Tempo para gerar esta página: 0.032 segundos