Comunidade Evangélica Família Abençoada - CEFA  Pastores Paulino e Roseli Cordeiro
 Seja bem-vindo!Interesses |10 Mais | Buscar em  
 
CEFA
Quem somos?
Origem
Destino
Valores
Contato e Localização
Programação
 

 
Pastorais
Mensagens
Conselhos do Pastor
Estudos
Cuidados espirituais
Testemunhos
Sermões
 

 
Atividades
Cultos
Curso Para Casais
Grupos Familiares
Discipulado
Outras
 

 
Interesses
Feminino
Masculino
Jovem
Casamento
Infantil
Comunhão
Filhos
Família
 

  
 
 

 
PRESTE ATENÇÃO NAS PROFECIAS – 2º Crônicas 35.20-24 (Pr. Paulino Cordeiro)
Sermão
Interesse de Comunhão 

A vida está tão corrida, não tenho tempo para nada!

Ando muito estressado, todos querem me enganar!

Preste atenção naquilo que você profetiza e nas profecias que ouve. O teu futuro está intimamente ligado às profecias, sejam verdadeiras ou falsas, cabe a você discerni-las.

(Baixe aqui o áudio deste sermão no formato MP3 -  tamanho de 3.11Mb)

01. O que é uma profecia?

Lembrai-vos das coisas passadas da antiguidade: que Eu sou Deus, e não há outro, eu sou Deus, e não há outro semelhante a Mim; que desde o princípio anuncio o que há de acontecer e desde a antiguidade, as coisas que ainda não sucederam; que digo: o meu conselho permanecerá de pé, farei toda a minha vontade - Isaías 46.9-10.

Uma profecia verdadeira é a expressão da vontade de Deus, para conduzi-lo à vitória, ao passo que a falsa profecia expressa uma mentira do diabo para conduzi-lo à morte.

Somente o Deus Todo Poderoso conhece o nosso futuro, por isto é que uma profecia verdadeira deve estar sempre em harmonia com a Palavra de Deus, se não conferir é falsa. A profecia verdadeira constrói, exorta e conforta (1ª Coríntios 14.3).

02. Porque as pessoas não identificam uma profecia?

As idolatrias, que são rebeldia contra a vontade de Deus, cegam o entendimento das pessoas e conduzem-nas à morte.  

No livro 2º Crônicas 18.4, vemos que o Rei Acabe é aconselhado pelo seu meio parente, Rei Josafá, a ouvir a voz profética sobre uma guerra que planejavam. Como ele estava cercado de falsos profetas, bajuladores que profetizavam somente aquilo que agradava aos ouvidos do Rei (2º Crônicas 18.11-13), negou dar atenção a verdadeira profecia pronunciada por Micaías e morreu conforme tinha sido avisado (2º Crônicas 18.17-34), seu sangue foi lambido pelos cães.

Quando uma pessoa não está na santa comunhão, em obediência à Bíblia, seu ouvido vira "penico" do diabo e ainda acha agradável.

Naquele tempo os povos tinham muitos ídolos, como nos dias atuais, Buda, Maomé, Krishna, Hinduísmo, os santos da ICAR que é necromancia, orixás, etc. O modo da operação do engano continua o mesmo, só muda a aparência.

Hoje, as idolatrias são propagadas a partir da mais tenra idade das pessoas, através de desenhos animados, jogos e games, filmes, novelas e internet. Além de tudo isto ainda existem as instituições com excelentes estruturas e com poder financeiro para agregarem pessoas às suas crenças.

Você consegue entender porque as pessoas não estão prestando atenção nas profecias?

03. Cuida de não te opores a Deus - v.21-23

Josias, na sua arrogância espiritual, não soube discernir a profecia dada por Deus através do Faraó Neco, um pagão. Parece estranho, mas podemos perceber que era da vontade de Deus que o Faraó Neco fosse guerrear contra o Rei da Assíria (2º Reis 23.29) em Carquemis, por isso Ele permitiu que Josias morresse. Notamos que para o Rei Josias parecia impossível Deus falar através de um pagão.

Devemos entender que existe o ministério profético, mas Deus, na Sua soberania, usa a quem Ele quiser para anunciar a Sua Vontade.  É aí que mora o perigo, pois, somente saberemos quando é a vontade de Deus se estivermos em perfeita comunhão, obediência e santidade para que o Espírito Santo de Deus nos dê o discernimento.

A jumenta de Balaão viu o Anjo do SENHOR, que seria o próprio Jesus, e Deus a fez falar para que ele, Balaão, não continuasse rebelde a Vontade de Deus (Números 22.12-35). Deus age do jeito que LHE convém, se for necessário faz uma pedra clamar (Mateus 19.40).

Cuida de não te opores a Deus, que é comigo, para que Ele não te destrua. A Palavra de Deus foi muito clara, mas Josias estava na soberba espiritual e auto-suficiência, sendo que não conseguiu perceber o risco que corria.

Note bem a Palavra profética: Cuida de não te opores a Deus, que é comigo, para que Ele não te destrua. Não foi Neco que matou a Josias, mas o próprio Deus, pela mão de Neco, devido a sua rebeldia.

Conclusão

Diariamente estamos cercados de profecias verdadeiras e falsas, cabe a nós o discernimento; mas como discernir? O discernimento vem pelo Poder do Espírito Santo, vivendo em comunhão com o próprio Deus, com a Sua Palavra e com a Família de Deus em santidade.

O Rei Acabe preferiu dar ouvido aos falsos profetas e, mesmo disfarçado no meio do exército, foi atingido por uma flecha e morreu; o Rei Josias, apesar de ter sido um restaurador do Culto e da festa da Páscoa, não deu atenção à profecia, entrou numa guerra que não era dele e, também, como Acabe, foi atingido e morreu.

E você, tem prestado atenção às profecias descritas na Bíblia ou anunciadas por pessoas?

Entregue a tua vida ao SENHOR Deus, em Jesus, que o Espírito Santo te dará entendimento.

Pr. Paulino Cordeiro - Pastor da CEFA - Família Abençoada -11.10.2009 -noite.

 

 
Links relacionados
· Mais sobre Interesse de Comunhão
· Notícias por paulino


Mais lidos: Interesse de Comunhão:
A IMPORTÂNCIA DA CEIA DO SENHOR - Marcos 14.22-26 (Pr. Paulino Cordeiro)

 

 
Opções

 Imprimir  Imprimir

 Enviar para alguém  Enviar para alguém

 

 
Hoje!
Não há histórias publicadas hoje.
 

 
Clique!









 

 
Já leu?

Interesse Masculino

·Razões para não cairmos na ansiedade
 

Certificado de registro da marca processo n.: 904102963
Todas as mensagens devem citar a fonte. Fale conosco antes de divulgar.
(41)3078-7940 / 8418-2586 cefa@familiaabencoada.org.br

Site baseado no software livre PHP-Nuke - Tempo para gerar esta página: 0.028 segundos