Comunidade Evangélica Família Abençoada - CEFA  Pastores Paulino e Roseli Cordeiro
 Seja bem-vindo!Interesses |10 Mais | Buscar em  
 
CEFA
Quem somos?
Origem
Destino
Valores
Contato e Localização
Programação
 

 
Pastorais
Mensagens
Conselhos do Pastor
Estudos
Cuidados espirituais
Testemunhos
Sermões
 

 
Atividades
Cultos
Curso Para Casais
Grupos Familiares
Discipulado
Outras
 

 
Interesses
Feminino
Masculino
Jovem
Casamento
Infantil
Comunhão
Filhos
Família
 

  
 
 

 
BENEFÍCIOS CONCEDIDOS AOS CRENTES - HB 10.19-25 (Pr. Paulino Cordeiro)
Sermão
Interesse de Comunhão

Muitos benefícios estão à disposição de todas as pessoas, mas a maioria não os usa por desconhecimento ou por desinteresse; porém, ambas as atitudes denotam falta de amor próprio.

(Baixe aqui o áudio deste sermão no formato MP3 -  tamanho de 3.34Mb).

 

Deixamos de usufruir benefícios maravilhosos do Reino de Deus por falta de amor próprio e de amor aos outros. Precisamos estar em comunhão com Deus, com Sua Palavra, com Seu Espírito e com Sua Igreja, assim alcançaremos muitos benefícios.

Na época do Tabernáculo as pessoas se aproximavam de Deus com medo e tremor. Agora, que Cristo nos abriu o caminho de acesso, por sua morte na cruz, entramos confiadamente na presença de Deus. Por quê?  Porque Jesus Cristo é nosso acesso imediato ao trono de Deus, o Pai.

Contexto: O Tabernáculo ou Templo era formado pelo Átrio, Santo Lugar e Santíssimo Lugar, também chamados de Caminho, Verdade e Vida (João 14.6). Só tinha acesso a Deus quem entrava pelo Átrio ou Caminho e fazia todos os rituais.

Agora temos Jesus, nosso Sumo Sacerdote, e através Dele temos todos os benefícios da perfeita comunhão.           

01. Temos Jesus como Sacrifício e Sacerdote - v.19-21

Antes de Jesus, ninguém entrava no Templo para obter perdão de pecados, de mãos vazias, mas, somente com sacrifício entregue ao sacerdote.

Hoje, temos um Novo e Vivo Caminho, não precisamos seguir o caminho do Tabernáculo de Moisés ou do Templo de Jerusalém, mas pelo Sangue de Jesus temos intrepidez para nos achergarmos no lugar da Glória de Deus (Santíssimo Lugar), o lugar do amor e do perdão do Pai.

Quando a Carne de Jesus foi rasgada, na cruz do Calvário, também, foi rasgado, no Tabernáculo, o Véu que nos separava da Glória de Deus.

Jesus morreu na cruz como o Cordeiro sacrificial e entrou na presença do Pai, no Tabernáculo Celestial, como Sumo Sacerdote, com o Seu próprio Sangue como oferta para remissão de todos os nossos pecados.   

Você tem usado este benefício?

02. Recebemos condições para nos achegarmos a Deus - v.22

Agora, temos Jesus como nosso Sumo Sacerdote, estamos justificados no Seu Sangue (Romanos 5.1-2) e purificados na Sua Palavra (Efésios 5.26-27).

Não há razão para agirmos com falsidade ou com falta de fé, pois, assim como a má consciência (pecados) era purificada com sangue de animais e o corpo era purificado água, agora temos a mesma purificação no Sangue de Jesus e na Palavra de Deus.

Você tem usado este benefício de achegar-se a Deus por meio de Jesus?

03. Nossa confissão não falhará - v.23

No Velho Testamento oferecer sacrifícios era uma demonstração de amor a Deus, significava confissão de pecados e retorno ao primeiro amor.

No Novo Testamento já temos o sacrifício perfeito, Jesus, o Cordeiro de Deus que venceu a morte por nós, basta confessarmos firmemente a nossa esperança, obedecendo sem vacilar, porque Deus é fiel para cumprir as Suas promessas de salvação e livramento.

Porque Deus amou ao mundo de tal maneira que deu o Seu Filho unigênito, para que todo o que Nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna - João 3.16.

Você tem usado este benefício da confissão que não falha?

04. Temos a comunhão educativa - v.24-25

O escritor faz dois apelos: "Consideremo-nos uns aos outros" e "Não deixemos de congregar-nos", ambos com fins educativos, visando benefícios a Igreja.

Muitas pessoas criticam a falta de amor e de boas obras na Igreja Local, porém, deve acontecer em primeiro lugar uma autocrítica, buscando saber se os relacionamentos são para o bem das pessoas e para estimulá-las ao amor e às boas obras.

Na comunhão educativa acontece a verdadeira simbiose dos seres humanos com as Pessoas de Deus e das pessoas com as pessoas, onde convivemos amistosamente, em amor, e crescemos.

O Dia se aproxima, isto é, o Juízo Final está próximo!

Você tem usado este benefício da Comunhão Educativa?

Conclusão

Você tem usado todos estes benefícios?

Porque, se vivermos deliberadamente em pecado, depois de termos recebido o pleno conhecimento da verdade, já não resta sacrifício pelos pecados; pelo contrário, certa expectação horrível de juízo e fogo vingador prestes a consumir os adversários... Ora, nós conhecemos aquele que disse: A mim pertence a vingança; eu retribuirei. E outra vez: O Senhor julgará o seu povo. Horrível coisa é cair nas mãos do Deus vivo - v. 26-31.

Pr. Paulino Cordeiro - Pastor da CEFA - Família Abençoada -28.06.2009 -noite

 

 
Links relacionados
· Mais sobre Interesse de Comunhão
· Notícias por paulino


Mais lidos: Interesse de Comunhão:
A IMPORTÂNCIA DA CEIA DO SENHOR - Marcos 14.22-26 (Pr. Paulino Cordeiro)

 

 
Opções

 Imprimir  Imprimir

 Enviar para alguém  Enviar para alguém

 

 
Hoje!
Não há histórias publicadas hoje.
 

 
Clique!









 

 
Já leu?

Interesse Familiar

·Estudo 07 - Salvação - O que significa Salvação na Bíblia
·Estudo 06 - Salvação - O que significa Salvação na Bíblia
·Estudo 05 - Salvação - O que significa salvação na Bíblia
 

Certificado de registro da marca processo n.: 904102963
Todas as mensagens devem citar a fonte. Fale conosco antes de divulgar.
(41)3078-7940 / 8418-2586 cefa@familiaabencoada.org.br

Site baseado no software livre PHP-Nuke - Tempo para gerar esta página: 0.046 segundos