Comunidade Evangélica Família Abençoada - CEFA  Pastores Paulino e Roseli Cordeiro
 Seja bem-vindo!Interesses |10 Mais | Buscar em  
 
CEFA
Quem somos?
Origem
Destino
Valores
Contato e Localização
Programação
 

 
Pastorais
Mensagens
Conselhos do Pastor
Estudos
Cuidados espirituais
Testemunhos
Sermões
 

 
Atividades
Cultos
Curso Para Casais
Grupos Familiares
Discipulado
Outras
 

 
Interesses
Feminino
Masculino
Jovem
Casamento
Infantil
Comunhão
Filhos
Família
 

  
 
 

 
GUERRA - NOSSA ESTRATÉGIA – Mc 3.27 (Pr. Paulino Cordeiro)
Sermão
Interesse de Comunhão

 A nossa estratégia começa nos lugares celestiais (Ef 2.4-6), pois é lá que estamos assentados em Cristo Jesus. Como conseqüência deste grande amor de Deus, somos colocados, aqui na terra, como autoridades, embaixadores de Cristo, para que os perdidos sejam reconciliados com Deus (2Co 5.19-20).

Conforme Apocalipse 1.18 Jesus disse: ... Eu sou o primeiro e o último e aquele que vive; estive morto, mas eis que estou vivo pelos séculos dos séculos e tenho as chaves da morte e do inferno. Como embaixadores de Cristo, também temos as chaves da morte e do inferno para levar libertação aos prisioneiros do diabo. As portas do inferno não prevalecerão contra nós, a Igreja (Mt 16.18).

Se estamos vivendo com toda a autoridade que temos em Cristo, vestidos com a armadura de Deus, quem resistirá aos crentes, a Igreja de Deus? As portas do inferno não resistem ao poder que há na verdadeira Igreja, ou seja, não suporta a autoridade do verdadeiro crente.

01.Amarrar o valente - Mc 3.27b

"Ninguém pode entrar na casa do valente sem primeiro amarrá-lo". Amarrar o inimigo não é ação física ou ficar dizendo "tá amarrado", é pela autoridade da nossa posição em Cristo, pela Palavra de Deus, pelo nome de Jesus Cristo, que podemos amarrar Satanás e os espíritos malignos. Amarramos o inimigo quando somos soldados do exército de Deus, vestidos com a roupagem espiritual, a armadura de Deus. O soldado em guerra não tira a farda, assim deve ser com o Cristão, sempre pronto para guerrear.

Em Cristo, temos toda a autoridade, então podemos deixar o inimigo sem ação e resgatar os perdidos da escravidão. Não esqueça, um cão faminto faz muito barulho para que não lhe tirem o osso que tem na sua boca, assim é satanás, mas se você está na autoridade Cristã, somente fará barulho e resta-lhe fugir.

Você já ouviu a história da andorinha apagando um grande incêndio na floresta? Assim é na vida Cristã, se cada um crente fizer a sua parte as multidões serão resgatadas das trevas infernais.

O crente amarra satanás vivendo em santidade, obediência e fazendo a obra de Deus.

Você já amarrou satanás hoje?

02.Entrar na casa do valente e fazer o resgate - Mc 3.27a

Já amarrou o valente? Agora vamos entrar e saquear a casa do valente, roubar-lhe os bens.

O valente é satanás, a casa é o mundo (o mundo jaz no maligno) e seus bens são todas as vidas que ele mantém na escravidão do pecado.

Você conhece alguém que é escravo de satanás, prisioneiro de vícios e pecados? Com certeza conhece. Então, mãos à obra.

Tenho ouvido, ó SENHOR, as tuas declarações, e me sinto alarmado; aviva a tua obra, ó SENHOR, no decorrer dos anos, e, no decurso dos anos, faze-a conhecida; na tua ira, lembra-te da misericórdia - Habacuque 3.2.

O trabalho de resgate parece impossível, muitas vidas precisam ser resgatadas. Precisamos tirá-las das mãos de Satanás e conduzi-las a Jesus Cristo. Guerra é guerra, então devemos guerrear mas sem esquecer que as armas são espirituais, contra inimigos espirituais.

É só trabalhar, conforme a Palavra manda, quem convence é o Espírito Santo. Comunique o amor de Deus para os perdidos com o teu testemunho de vida. Salvação consiste em tirar as vidas das mãos de Satanás e conduzi-las para o reino de Deus.

A obra parece impossível e de fato será impossível se o Crente apenas achar que tem autoridade, apenas achar que está com a armadura de Deus e não orar (veja Ef 6.18). Alem de autoridade e da armadura deve ser guiado pelo Espírito e revestir-se com toda a oração e suplica, sendo vigilante.

03.Garantir as vidas resgatadas das mãos de satanás.

Muito bem!! vidas são resgatadas das mãos de Satanás, precisam ser protegidas para não caírem mais no domínio do inimigo. Poderemos fazer isso OBEDECENDO à ordem do Senhor Jesus: Ide, portanto, fazei discípulos de todas ... ensinando-os a guardar todas as coisas que vos tenho ordenado - Mt 28.19-20.

Precisamos levar o novo convertido a compreender e a praticar a Palavra de Deus. Precisamos ensinar as pessoas firmarem suas vidas na Rocha (Lc 6.47-49), isto é, ensiná-las a tomarem posse da sua posição em Cristo. Jesus ordenou "ide e fazei discípulos". Quem faz discípulos está garantindo que vidas não voltem para as garras de satanás (Gl 5.1).

Devemos viver testemunhando, no poder do Espírito Santo, assim, ganhando e firmando vidas na fé Cristã. Para garantir vidas precisamos resistir ao diabo: Sujeitai-vos, portanto, a Deus mas resisti ao diabo, e ele fugirá de vós - Tg.4:7. A Palavra diz que devo, em primeiro lugar, obedecer a Deus, daí poço resistir ao diabo e ele fugirá de mim.

A guerra não é realizada pela nossa força física ou intelectual, mas é uma luta espiritual, em que a vitória vem pela obediência a Deus que dá autoridade contra as trevas. É necessário submissão a Deus para resistir ao diabo. Quando resistimos a Satanás e aos seus ataques, ele foge. Se alguém deve fugir é o diabo e não o crente. Há crentes que têm medo do diabo porque não conhecem a sua posição em Cristo.

Para garantir aquelas pessoas que resgatamos das mãos do inimigo, devemos ter uma vida cheia do Espírito Santo (Ef. 5.18), vivendo em santidade, sem dar lugar ao diabo (Ef 4.26-32).

Já somos mais que vencedores, a nossa salvação e daqueles que ganhamos para Jesus já está garantida, mas precisamos estar sempre atentos às Palavras de Jesus: vede que ninguém vos engane ( Mt 24.4), pois satanás é muito astuto a ponto de transformar-se em anjo de luz (2Co 11.14) para enganar, se possível, os eleitos (Mt 24.24). O diabo é um bicho feio, mas não se manifestará como um bicho feio; se disfarça, é mentiroso e sedutor para enganar "os que dormem no ponto". Sugere coisas sedutoras através dos nossos cinco sentidos para desviar-nos do plano de Deus.

É guerra, estejamos prontos o tempo todo, oremos sem cessar!     

Conclusão

Qual é a nossa estratégia? Amarrar o valente (autoridade), entrar na casa do valente (o mundo) para resgatar vidas e  transportá-las para o reino de Deus e, finalmente, garantir estas vidas discipulando-as para que também se tornem soldados na guerra contra o inimigo.
     Nenhum soldado em serviço se envolve em negócios desta vida, porque o seu objetivo é satisfazer àquele que o arregimentou - 2Tm 2.4.

 

                    Pr. Paulino Cordeiro - 29.04.2007 - noite.

 

 
Links relacionados
· Mais sobre Interesse de Comunhão
· Notícias por Paulino


Mais lidos: Interesse de Comunhão:
A IMPORTÂNCIA DA CEIA DO SENHOR - Marcos 14.22-26 (Pr. Paulino Cordeiro)

 

 
Opções

 Imprimir  Imprimir

 Enviar para alguém  Enviar para alguém

 

 
Hoje!
Não há histórias publicadas hoje.
 

 
Clique!









 

 
Já leu?

Interesse Jovem

·Vais aceitar o conselho?
·Não é engraçado?
 

Certificado de registro da marca processo n.: 904102963
Todas as mensagens devem citar a fonte. Fale conosco antes de divulgar.
(41)3078-7940 / 8418-2586 cefa@familiaabencoada.org.br

Site baseado no software livre PHP-Nuke - Tempo para gerar esta página: 0.042 segundos