CONTEMPLANDO A GLÓRIA DE DEUS – 2ª Co 3.18

| 05-05-2008

 Contemplando, do Latim contemplari: olhar, observar atentamente; considerar com admiração e amor; atender; meditar profundamente.

E todos nós, com o rosto desvendado, contemplando, como por espelho, a glória do Senhor, somos transformados, de glória em glória, na sua própria imagem, como pelo Senhor, o Espírito - V.18.

Hoje, somente os salvos por Jesus, no Poder do Espírito Santo, são portadores da Graça de contemplarem a Glória de Deus e serem transformados para as boas abras do seu Reino.

01.   Contemplando com o rosto desvendado - 2ª Co 3.12-17

As pessoas que não aceitam a Salvação, ou seja, não confessam a Jesus como único Salvador (Romanos 10.9-10), continuam, como no tempo de Moisés, insensíveis. Seus sentidos estão embotados, isto é, com um rombo que só o Senhor Jesus pode restaurar.

Quando alguém se converte ao Senhor, o véu lhe é retirado, isto é, entende e obedece ao que manda a Bíblia; o Espírito Santo de Deus preenche o vazio e cria-lhe um coração sensível. Deus é o Espírito, Ele busca adoradores que O adorem em espírito e em verdade; e, onde está o Espírito do Senhor, aí há liberdade

Deus Pai sempre está de braços abertos para nós e com os ouvidos atentos ao nosso clamor, mas quando cometemos injustiças e pecados há uma separação, pois Ele não aceita impuros na Sua presença (Isaías 59.1-2).

O véu que separava já não separa mais, foi rasgado com o sacrifício de Jesus no Calvário. Esperar por que, se temos livre acesso?

02.   Contemplando, como por espelho, a glória do Senhor - 2ª Co 3.18

 As pessoas salvas, pelo poder do Espírito Santo de Deus que nelas habita, olham para Deus, com profundo amor, como por espelho, através da Vida, Palavras e Testemunho do Seu Filho Jesus, o Cristo.

 Porque, agora, vemos como em espelho, obscuramente; então, veremos face a face. Agora, conheço em parte; então, conhecerei como também sou conhecido - 1ª Coríntios 13.12.

Apesar de ainda não estarmos face a face com Deus Pai, já O conhecemos através de Jesus, pois Ele disse: Quem Me vê a Mim vê o Pai (João 14.9).

No nosso dia-a-dia, em tudo o que fazemos, necessitamos olhar mais, com profundo amor, para Jesus e Suas Palavras, e assim estaremos vendo a Glória de Deus.

03.  Contemplando, somos transformados - 2ª Coríntios 4.1-10.

E todos nós, com o rosto desvendado, contemplando, como por espelho, a glória do Senhor, somos transformados, de glória em glória, na sua própria imagem, como pelo Senhor, o Espírito.

Aleluia!!! O quanto mais contemplarmos (olhar através de Jesus) a Glória de Deus, maior será a nossa transformação. A cada manifestação da Glória de Deus - de Glória em Glória - a obra do Espírito Santo se faz e mais semelhantes a Ele ficamos (1ª Pe 1.16; Lv 20.7).

Todas as transformações que vamos recebendo são efetuadas pelo Poder do Espírito de Deus; somos transformados, de glória em glória, na sua própria imagem, como pelo Senhor, o Espírito.

Isaías 58.8-10 - Então, romperá a tua luz como a alva, a tua cura brotará sem detença, a tua justiça irá adiante de ti, e a glória do SENHOR será a tua retaguarda; então, clamarás, e o SENHOR te responderá; gritarás por socorro, e ele dirá: Eis-me aqui. Se tirares do meio de ti o jugo, o dedo que ameaça, o falar injurioso; se abrires a tua alma ao faminto e fartares a alma aflita, então, a tua luz nascerá nas trevas, e a tua escuridão será como o meio-dia.

Não podemos esmorecer; devemos rejeitar as coisas vergonhosas, sem ocultá-las, não andando com soberba e arrogância, nem adulterando a palavra de Deus. Nossa conduta deve ser como a de Jesus, servindo de espelho a todas as pessoas, pela manifestação da verdade. Se o Evangelho ainda não é manifesto através de nós, será que não estamos com um rombo nos sentidos, insensíveis, embotados como o povo do tempo de Moisés?

Qual evangelho temos pregado, aquilo que "achamos" sem ler a Bíblia, ou A Verdade porque temos lido e obedecido ao que Deus manda através da Bíblia?

Conclusão

Quando o ser humano se converte e descobre que tem livre acesso ao Pai, é como desvendar-lhe os olhos, vê a Glória de Deus, o Espírito Santo nele habita, e então, experimenta a verdadeira liberdade, pois, onde está o Espírito do SENHOR, aí há liberdade.

Jesus, pela morte na cruz, teve Sua carne rasgada e Seu sangue derramado; o Inocente morrendo no lugar do pecador, manifestando grande salvação, perdão e purificação ao pecador arrependido.  

Toda a honra, e glória, e poder ao Deus Eterno, o grande Salvador dos arrependidos. Aleluia!!

Pr. Paulino Cordeiro - 04.05.2008 - noite